https://youtu.be/xC7J3Sb_tBI

Anúncios
Padrão

Políbios

“…, na minha opinião o homem é entre todos os animais o mais fácil de ser enganado, embora tenha a fama de ser o mais astucioso.”
Políbios. “História”. Brasília: UnB, 1996, pg. 302.

Padrão

Maria Célia Paoli

“Os sindicatos ligados ao PC, por exemplo, estavam mais interessados em deter as divisões internas do movimento (agravadas diante da questão das diferentes posturas ao governo) e afirmar o princípio da unicidade sindical; de modo que as lutas pelas reivindicações diretas do cotidiano operário se tornam secundárias diante da tarefa, que lhes parecia mais importante, de centralizar o movimento e inseri-lo nos grandes temas do conflito político-institucional em curso (por exemplo contra o integralismo).”
Maria Célia Paoli. “Trabalhadores e cidadania: experiência do mundo público na história do Brasil moderno” in Revista de Estudos Avançados 3(7):54 , set/dez 1989

Padrão

“Contribuição à crítica da economia política”

“Na Idade Média o próprio capital – na medida em que não se trata apenas de capital monetário- tem, sob a forma de aparelhagem de um ofício tradicional, etc., esse caráter de propriedade fundiária. Na sociedade burguesa é o contrário. A agricultura torna-se cada vez mais um simples ramo da indústria e acha-se totalmente dominada pelo capital.”
Karl Marx. “Contribuição à crítica da economia política”. São Paulo, Martins Fontes, 1977, pg. 225.

Padrão

HONDURAS-ENVIRONMENT-WASTE

poluição do mar em Honduras – 2017

Imagem

Karl Marx

“… é preciso nunca esquecer, a propósito da evolução das categorias econômicas, que o objeto, neste caso a sociedade burguesa moderna, é dado, tanto na realidade como no cérebro; não esquecer que as categorias exprimem portanto formas de existência, condições de existência determinadas, muitas vezes simples aspectos particulares desta sociedade determinada , deste objeto , e que , por conseguinte , esta sociedade de maneira nenhuma começa a existir , inclusive do ponto de vista científico, somente a partir do momento em que ela está em questão como tal.”
Karl Marx. “Contribuição à crítica da economia política”. São Paulo, Martins Fontes, 1977, pg. 224.

Padrão